Google+ Followers

23.7.12

Convicções.

Aprenda a sacrificar as suas preferências, os seus privilégios, mas nunca sacrifique as suas convicções.

Os privilégios e as preferências são coisas supérfluas, com as quais você vive, e sem as quais também. Elas são coisas que vêm de fora para você. Não são essenciais à sua vida.

Já as convicções, estas nascem de dentro para fora, são partes do seu "EU", são substâncias da sua personalidade.

Respeite e viva de tal modo que os outros se creiam obrigados a lhe respeitar as convicções que tem.

Extraído de "Comece o dia feliz", de J.S.Nobre - Edições Paulinas

Nenhum comentário: