Google+ Followers

21.10.05

Ato falho.

O Lulinha paz e amor voltou. A nova campanha já está de vento em popa. E a torneirinha de asneiras aberta, totalmente aberta.

Mas o Lulinha dá umas escorregadas, as vezes, e 'entrega o serviço'. Como quando disse que 'mentira a gente conta uma vez e passa o resto da vida tendo que mentir para esconder'. Desse assunto - mentira - tenho absoluta convicção que ele conhece. E muito!

A última foi sobre o Bolsa Família. Ele disse que o bolsa família ajuda a classe média. E estava falando a verdade, podem acreditar. Disso ele entende, ele sabe o que falou. Ele e a Globo, que mostrou o desvio de 'bolsas' para secretárias, donos de comércio, funcionários públicos... Toda a 'companheirada' da classe média... É a mais pura verdade!

Alguém aí acredita que, do começo do ano pra cá o governo do PT, com toda sua iniciativa, competência e honestidade, moralizou a distribuição de cartões? Melhorou minimamente o controle? Moralizou a coisa toda?

Alguém de sã consciência acredita que o Lulinha paz e amor e seu PTzinho de estimação não fazem uso eleitoral dessa coisa? Eu, que nasci lá no interior, sou mineirinho bobinho... Mas não tem essa de 'me engana que eu gosto' não.

Ato falho, hein, Sr. Lula! Entregou a rapadura, né? E eu creio que alguém poderia tomar as devidas providências. Afinal, se deixam ele falar as mentiras e baboseiras que fala sem nenhuma reprimenda, nenhuma responsabilidade, nenhuma conseqüência, pelo menos poderiam questioná-lo quando fala a verdade, não é? Senão, daqui a pouco, quando comprovarem as lambanças desse 'programa' e exigirem punições, o tal ainda se defenderá dizendo que 'eu já havia avisado sobre isso!'

Ai, ai, ai! Pobre povo brasileiro!

Nenhum comentário: